terça-feira, 24 de julho de 2012

mãe

Soube esta manhã que a minha mãe deu entrada esta noite nas urgências do hospital.
Como sabem, não estou em Faro (estou em Corroios) e apenas soube esta manhã. O meu pai ligou à minha irmã (e nao a mim. raiva.) e pediu para que ela me contasse com calma (raiva a dobrar. Eu sou muito mais calma que a minha irmã, ela eneverva-se, grita, chora, eu sei la. Eu mantenho a calma, acalmo todos e consigo pensar racionalmente. Nao percebo a protecção estúpida. Tratam-me como nós tratamos a minha sobrinha, que tem 10 anos).

Não sei grande coisa, porque o meu pai quando fala comigo apenas diz "nao te preocupes, foi grave mas nao vale a pena te preocupares". À minha irmã (que não é minha irmã, é minha prima, eu trato-a como irmã porque foi criada comigo, ou seja, pelos meus pais) contou que foi grave. Resumindo o que ela me contou: a minha mãe teve um enfarte e foi operada ao coração de urgência. Está estável, nem melhor, nem pior. 

Não quero falar mais sobre isto. Mudemos de assunto. Só mais uma coisa, comentário da minha irmã: "tu és como o pai. Manténs a calma por mais grave que seja a coisa...não sei como consegues"

 Ontem fui visitar o local de emprego da nossa sarita com a minha sobrinha. À tarde fomos ao cinema, ver a idade do gelo 4. A mãe dela é tipo a minha e conseguiu estragar o dia. Além disso, por incrível que pareça, a mãe dela também foi operada hoje. Está estável também.

Pesei-me ontem na fabrica com a sarita. 48.qualquer coisa. Peso saudavel atingido. Medo, raiva, panico,indecisão. E agora? Passar fome ou comer tudo? Comer tudo. E a psicóloga que se lixe. Tou-me a cagar. Já pensei nao ir la na 6ªfeira, mas se nao for tenho a certeza que ela nao me recebe mais. Se calhar so me fazia bem, mas tenho medo de nao conseguir sozinha. E depois nao tenho a quem pedir ajuda.

Gajo marado começa-me a irritar. Muito cola. Agora "implica" porque não lhe chamo "amor". foda-se, deixa-me respirar, ok??? A minha mae tá no hospital, pa! tenho la paciencia para pensar porque é que nao te chamo como tu queres! Alem disso, dizer amo-te e chamar os outros assim nao é sinonimo de amar verdadeiramente. Tu nao me amas, pa. Nem eu a ti. Gosto de ti, mas se te deixasse de ver nao morria. Nem ha um mes namoramos. E se contarmos bem, apenas namoramos ha 15 dias, porque depois bazei de perto de ti.... ele enerva-me, porque insiste que acha que ando estranha e distante e acha que quero terminar a relaçao. Realmente estou distante........ ESTOU A MAIS DE 200KMS DE TI PA!!! E por mensagens é tramado, sabes??? Mais de 20 mensagens diárias é pouco?? E nao te ligo porque tens horario tramado. E nao gosto de atender quando sais porque nao estou em minha casa e à 1h da manha o pessoal aki ja dorme... nao dá la muito jeito atender e acordar o pessoal so porque tu achas que nao atender é sinonimo de me estar a cagar para ti. GOSTO DE TI,MAS DEIXA-ME RESPIRAR! Deixa a merda do tempo andar, nao keiras tudo ao mesmo tempo!!!

Enfim. Tou irritada, com medo e sei la mais o que. Mil sentimentos ao mesmo tempo. Eu gosto dele e ele é fofo comigo, mas tou irritada e quero descarregar em alguem lol (apenas aqui, porque com ele mantenho a calma. ou tento, porque ontem quase quase quase que me passei)

Ai tou irritada e vou publicar ja isto. e vou buscar merdas para comer lol QUERO ENGORDAR (no sentido de toma, cabra, engorda aí que é o que mereces)

fui

2 comentários:

Joana disse...

Que idade tem a tua mãe? Porque um enfarte numa mulher antes dos 60 anos é tão raro!

Espero que fique tudo bem, e tem calma. Se precisares de alguma coisa estou sempre aqui Inês :)

Muitos beijinhos e muita força :)

P.S: Em relação às tuas dúvidas em relação ao teu namorado, eu acho mesmo que isso se resolve falando com calma ;)

Pizza disse...

Ai pyps... espero mesmo q tudo fique bem em relação à tua mãe! não descontes na comida agr, nem no "quero comer e engordar, q se lixe!" pq sabes q isso só vai trazer-te mais problemas. Estás bem assim, como o q te apetecer, mas com fome e com vontade "saudável" de comer! Separa as coisas. O gajo é o gajo, a tua mãe é a tua mãe, a comida é a comida! Não mistures tudo pq não vai ser bom para ninguém, muito menos para ti!
em relação à tua mãe, qd voltares para faro (quando voltas?), vais ter c ela e mostras-lhe o teu apoio, n podes fazer mais nada.
em relação ao gajo, dizes-lhe o q estás a sentir e q para as coisas funcionarem ele tem mesmo q te dar espaço e não querer apressar as coisas... comunicação resolve tudo!
em relação à comida, já falamos, certo?

beijinhos enormes do tamanho do mundo!