segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Consulta.

Hoje acordei às 5h15. Banho, vestir, comer (COMI ANTES DA CONSULTAAAAA!! MILAGREEE!!), fazer sandes para levar e abalar. A viagem correu bem, apesar de ter ido o caminho todo a tentar não pender a cabeça para que a mulher do lado não achasse que não regulo bem. Chegámos mais cedo do que o costume: 9h15.
"Eh pa, isto é cedo.... na outra vez fui a pé com a sara, poupámos dinheiro e chegámos mais depressa... Vou a pé!"
Até foi um bom pensamento. O único problema é que quando fui com a sara eram 5h30 da manhã, logo não havia trânsito. Agora às 9h15 há muuuuuuuito carro naquelas avenidas... resultado? Andei a pular cercas para não ser atropelada, mas lá cheguei ao hospital. Toda transpirada, mas viva.
Fui pesada. 46.100. QUÉSTAMERDAPÁ???? Perdi peso??? Sexta-feira tinha 47.8. Domingo (ontem) à tarde 47 e hoje de manhã 46.1?? É impossível! Não seria se não tivesse comido, mas comi gelados, bolos, chocolate e refeições normais... vá, ontem alimentei-me à base de cereais, mas pronto, foi só ontem...

Psicóloga: "Como está o peso?"
Entrego o papel.
"Quanto tinhas na última consulta?" (estávamos num gabinete sem computador, ela não pôde aceder ao processo)
"46.5"
"Perdeste um bocadinho, então"
Eu lá disse que sim, mas com aquele ar de quem não acha nada de especial (e não é... 400gr nao é nada de grave). Mas acho que se ela tivesse o pc teria visto que tenho vindo a perder peso. Não sei como, juro que não sei.

Bem, mas continuando. A consulta demorou meia hora, no máximo, e houve momentos em que senti que não tínhamos assunto. Já vos tinha dito que ela acha que o rapaz é manipulador? Concordo. Mas eu também sou, portanto não o posso julgar. O que não quer dizer que fique com ele na mesma. Há próxima que fizer, dou-lhe dois berros. Depois dessa, nada feito. Too bad.

Depois da consulta ainda esperei pela ines, mas deixou-se dormir. Fui então comprar o bilhete, comi as sandes que tinha levado, bebi icetea (!!!) e vim para Faro. Cheguei às 15h30, fui a casa tomar banho e fui fazer-lhe uma surpresa ao trabalho. Café, chineses e depois casa dele. Ah, tive certezas que não quero morar naquela casa dele, credo (isto sou eu a pensar na eventualidade de virmos a morar juntos). Tá tudo a cair de podre... ele bem tenta arranjar as coisas, mas eu cá acho k seria menos dispendioso alugar uma casa em faro. Além de que chatices com canalizações não haveriam. Pelo menos não tantas!

Vim para casa. Vi tv, jantei (sopa e melão) e agora estou aqui.
Vou fazer um apanhado das minhas oscilações de peso desde que comecei o blog, vai ser giro....
Depois cama. Estou exaustaaaaaaaaa!
Beijinho, beijinho!




4 comentários:

Anna Williams disse...

Olá! Muito bem escrito este post. Noto que a sua narrativa nos leva junto com você para um pouquinho do seu mundo. Obrigada por postar com tanta honestidade :-)

Joana disse...

Não andes para trás Inês. Não me faças pensar que talvez aquilo que vi em ti não esteja lá :( Luta por ti rapariga...

Filipa disse...

Olá Inês. Estou de volta.
De certeza que não sabes mm como perdeste esse peso? :s
Eu acredito em ti e sei q vais chegar lá! ;)
Beijinho e força!
Filipa*
Blogue novo e ainda em construção:
http://beautifuldisastermia.blogspot.pt/

D.Pereira disse...

ai ai! não devias ter mentido lol
sabes que se calhar estavas a fazer retenção de liquidos, portanto o peso anterior pode ter sido uma ilusão :x
põe te a comer cerelac antes de dormir que engordas num instante xP